Aos nascidos nos últimos cinquenta anos, pode parecer loucura imaginar um mundo sem ar-condicionado. Todavia, esse mundo existiu durante muitos milênios. Vamos então ver algumas curiosidades sobre os condicionadores de ar.


1. O ar-condicionado foi considerado uma das maiores invenções do século XX. Ele foi inventado em 1.902 por Willis Carrier, para uma editora do bairro do Brooklyn, na cidade de Nova Iorque. A máquina inventada mantinha baixas temperaturas e grau de umidade, evitando que o papel usado na impressão não se expandisse nem se contraísse em função das variações de temperatura. Carrier nunca imaginou que a sua invenção fosse, anos mais tarde, muito mais usada para o simples conforto das pessoas.


2. Os primeiros a correr atrás dos condicionadores de ar foram os cinemas e os teatros. Nos meses mais quentes do ano, esses eram os lugares mais frescos e agradáveis da cidade. Consequentemente, um grande número de pessoas entrava nos cinemas para se refrescar e ver os novos filmes. Isso levou os estúdios cinematográficos a começarem a lançar os seus melhores filmes no verão.


3. Quando eu era um menino, eu morava numa cidade do interior do estado de São Paulo, na qual o cinema ainda não tinha ar-condicionado. Porém, a família da minha mãe morava na cidade de São Paulo, onde os cinemas eram, na sua maioria, bastante luxuosos. Nas férias de verão, eu passava a maior parte do tempo na casa da minha avó em São Paulo, e uma das minhas diversões favoritas, então, era ir aos cinemas. Eu me lembro, com saudades, dessa época, quando assistia filmes famosos no Cine Metro, no Marrocos e no Cine República, entre outros, este último com uma sala onde cabiam perto de 1.000 espectadores.


4. Antes da invenção do ar-condicionado, tradicionalmente, a maioria das pessoas tirava as suas férias no verão, quando, por causa das altas temperaturas, muitas empresas praticamente paravam de trabalhar. Em diversos países, muitas repartições públicas paravam nessa época do ano. Alguns historiadores acreditam que o aumento da burocracia se deveu à invenção dos condicionadores de ar, que permitiram que as sessões das casas legislativas também pudessem ocorrer no verão.


5. A possibilidade do controle da temperatura e a refrigeração revolucionaram a indústria. Sem ar-condicionado muitas atividades seriam virtualmente impossíveis, tais como a fabricação de computadores e de placas eletrônicas (chips), os centros de armazenamento de dados, a produção, a entrega e o armazenamento de muitos alimentos, a fabricação de produtos farmacêuticos e de produtos químicos.


6. O controle da temperatura ambiente também mudou muitos aspectos da construção de casas e de edifícios. Antigamente, as casas eram construídas com tetos altos, além de grandes janelas, para permitir uma melhor ventilação. Outra característica eram as varandas na frente das casas, onde as pessoas ficavam num ambiente mais fresco e melhor ventilado. Sem ar-condicionado, seria impossível ficar nos edifícios envidraçados de hoje e trabalhar no verão. Por outro lado, as lareiras das casas praticamente desapareceram.


7. Imaginem um médico, no verão, operar numa sala de cirurgia sem ar-condicionado. Isto seria impossível. O ar-condicionado permitiu que os hospitais funcionassem muito melhor durante todo o ano, que a mortalidade infantil fosse reduzida, que a reprodução de bactérias fosse praticamente eliminada nos centros cirúrgicos e que muitos avanços fossem conquistados em muitas especialidades.


8. Acredita-se que, nos Estados Unidos, a invenção do ar-condicionado mudou a vida do país. Antigamente, o nordeste era a região do país que detinha a maioria das indústrias. Todavia, a partir de 1.960, a maioria do crescimento do país ocorreu na região sul, mais quente, na qual o condicionador de ar tornou possível viver em prédios de apartamentos e que as fábricas pudessem trabalhar todo o ano. Alguns demógrafos acreditam que a explosão populacional em lugares como os estados do Arizona, do Texas, e da Flórida, e em cidades como Las Vegas, pode ser diretamente atribuída à invenção dos condicionadores de ar.


9. A quantidade de energia usada cada ano pelos Estados Unidos em aparelhos de ar-condicionado é aproximadamente a mesma consumida por todo o continente da África.


10. Apesar dos avanços tecnológicos, os aparelhos de ar-condicionado ainda consomem vastas quantidades de energia. Calcula-se que o Departamento de Defesa dos Estados Unidos gastava anualmente 20 bilhões de dólares por ano em ar-condicionado no Iraque, quantia essa que ultrapassa o orçamento anual da NASA.


Na semana que vem publicaremos a segunda parte deste artigo com mais 10 curiosidades.

Você gostou deste post? Você sabe de alguma outra curiosidade sobre ar-condicionado que gostaria de compartilhar conosco? Por favor, deixe os seus comentários no espaço a seguir.


Com informações:

Business2community.com