A atual onda de calor tem provocado uma procura fora do normal de aparelhos condicionadores de ar e de ventiladores neste verão e, segundo notícias recentemente publicadas, as vendas desses aparelhos dispararam.

Segundo a ABRAVA – Associação Brasileira de Refrigeração, Ar-Condicionado, Ventilação e Aquecimento, o mercado brasileiro de condicionadores de ar dividiu-se em 2014 da seguinte maneira, em relação à porcentagem de TR (1 TR = 12.000 BTUs): aparelhos split 74%, aparelhos de janela 14%, condicionadores centrais 11% e outros 1%.

Eulógio Ramaciotti, gerente de vendas da STR, acha que o condicionador de ar virou um eletrodoméstico de primeira necessidade. Ele está estimando um crescimento das vendas de até 10% em 2015, se o calor persistir.

Os preços acessíveis e a facilidade de instalação tornaram estes aparelhos adequados para casas e condomínios.

Ainda de acordo com a ABRAVA, na compra de um condicionador de ar residencial (mini split), os fatores mais importantes são preço (33%), qualidade/loja/confiabilidade (20%), modelo/aparência (16%), consumo de energia (13%) e outros fatores como recursos técnicos, impacto ambiental, durabilidade, etc. (18%).

E qual é a grande sugestão para 2015?

São os aparelhos do tipo “Inverter”. E o que é a tecnologia Inverter? Inverter é um tipo de compressor capaz de ajustar a capacidade do condicionador de ar de acordo com a necessidade do ambiente. Ele ajusta mais rapidamente a temperatura ambiente à temperatura desejada, garantindo elevados níveis de conforto, com consumo de energia até 52% menor que os aparelhos tradicionais.

Outro aspecto interessante desta tecnologia é o ruído do aparelho, que pode ser até 35% inferior ao dos aparelhos tradicionais, o que é muito interessante, especialmente à noite.

Mais uma vantagem é que o gás utilizado nestes aparelhos é ecológico, isto é, não altera as propriedades da camada de ozônio e, portanto, não contribui para o aquecimento global.

Dentre as marcas que usam esta tecnologia estão a Daikin, que já tem fábrica em nosso país e é a empresa que originalmente desenvolveu esta tecnologia e a Fujitsu.

Confira AQUI alguns modelos da Daikin.

Confira AQUI alguns modelos da Fujitsu.

Você gostou deste post? Você tem um condicionador de ar em casa? Se não tem, pretende comprar um, especialmente diante da impressionante onda de calor que atualmente nos atinge? Por favor, deixe os seus comentários no espaço a seguir.