27 de outubro de 2014

 

Verão chegando e a instalação fica melhor se não destoar do ambiente

A tecnologia tem avançado de uma forma rápida nos últimos tempos. Computadores, geladeiras, carros, microondas, panelas elétricas, celulares e ar condicionados, são bons exemplos de produtos que sofreram mudanças significativas nos últimos anos. Alguns desses apetrechos mudaram de formato: diminuíram ou aumentaram, afinaram ou engrossaram. A verdade é que nem sempre o avanço tecnológico é sinônimo de beleza e sofisticação. 

As primeiras preocupações quase sempre são com a praticidade, segurança e durabilidade, para depois se imaginar a estética — esta, geralmente, ligada ao marketing do produto. Poucos são os produtos que mesclam tudo ao mesmo tempo e conseguem satisfazer completamente do consumidor. 

Os aparelhos de ar condicionado, por exemplo, ainda são grandes vilões da decoração doméstica. Muitas pessoas se queixam que aparelhos split são grandes, indiscretos e destoam da estética de ambientes como quartos, escritórios domésticos e salas de estar. Então, como resolver essa questão sem diminuir a qualidade do produto?

Algumas pessoas optam por produtos personalizados, com cores neutras (dependendo da paleta de cores escolhida no ambiente onde será instalado o aparelho). Claro que o preço de alguns modelos do tipo são bem superiores — as fabricantes incluem um valor pelo design oferecido. Outra opção é instalar o ar condicionado de forma que se encaixe dentro de algum móvel. Seja embaixo ou em cima no ambiente, mas de forma “escondida” em alguma estante. Afinal, não se trata de um aparelho que tenha a necessidade de ser visualizado.

A dica é procurar a mesma loja que projetou os móveis do ambiente para a instalação. Pedir uma extensão para embutir ou “guardar” o aparelho dentro — sempre com venezianas para que o vento possa circular de forma efetiva. Para quem não deseja gastar mais, uma ideia boa é colocar o aparelho em um lugar que não seja o foco principal de quando se entra (ou fica) no ambiente: em laterais, ou no canto atrás da porta de entrada pode ser uma solução.

Outra dica é pensar na iluminação. Se a decoração tiver apoio da iluminação, pode-se projetar a posição do ar condicionado de uma forma que não fique no foco da luz — o que pode fazê-lo “sumir”. 

O importante é entender que a tecnologia está aí para contribuir para o bem estar das pessoas. Evoluindo para se tornar mais prática, menos barulhenta e mais elegante. Mesmo que algumas variações ainda não atinjam o nível desejado de satisfação com a estética, nada como usar a criatividade como aliada para manter o ambiente bonito, afinal, fresco ele já está.

Com informações: Simples Decoração, Homens da Casa.

Postado segunda-feira, outubro 27, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

20 de outubro de 2014

Sucesso para estabelecimentos, também pode ser usado em casas

Sabe aquela rajada de vento fresco que você recebe quando entra em algum shopping, supermercado, banco, farmácia, etc? Não, não se trata de um ar condicionado usado somente para isso. A invenção que melhora o humor de qualquer um nos dias quentes é a cortina de ar. Apesar de ser mais comum em ambientes grandes com grande rotatividade de pessoas, ela também serve para residências. Mas você sabe como funciona uma cortina de ar?


A cortina de ar tem um objetivo básico de não deixar que o ar quente da rua se misture com o ar fresco ou frio de dentro de casa ou do estabelecimento. Para isso ele fica ventando de cima para baixo, geralmente em cima de portas e janelas, criando uma barreira invisível. A refrigeração vem como uma forma de expansão do ar condicionado e climatizadores, evitando que o ar quente de fora do ambiente faça a potência desses dois se retardar. Ou seja, funciona como um escudo que evita o desperdício do ar frio criado pelo ar condicionado.

Evitando essa troca de calor entre os dois ambientes, a cortina de ar consegue manter a temperatura ambiente que climatizadores e ar condicionados oferecem. O fato de ser mais comum em comércios é por causa da maior circulação de pessoas, o que torna impossível manter a porta fechada por muito tempo (algo que prejudicaria a utilização dos refrigeradores). Outra qualidade da cortina de ar é que ela ajuda no controle de entrada de insetos, poeira, fumaça e odores desagradáveis. Por isso, também é uma boa solução para uso doméstico.

Em tempos de temperatura seca, falta de água, manter as portas e janelas fechadas o tempo todo pode ser prejudicial à saúde. A cortina de ar contribui para que o ambiente continue arejado e fresco. Para ambientes comerciais, seu sucesso se deve à contínua rajada fresca de vento, que melhora o humor de qualquer um e dá uma sensação de prazer ao cliente quando entra no local— sendo refletido nas compras. Vale lembrar que o aparelho não substitui o ar condicionado, climatizadores ou ventiladores. 

Veja alguns benefícios da cortina de ar:
  • São equipamentos de fácil instalação que não precisam de nenhuma alteração do ambiente;
  • Protege contra o vento e a umidade;
  • Mantém cerca de 80% de isolamento térmico, mesmo com portas e janelas abertas;
  • Permite o tráfego livre de pessoas (importante para qualquer comércio - já que as portas podem ficar abertas);
  • Protege ainda contra o vento, poeira, insetos e odores;
  • Consegue economizar até 35% de energia elétrica, pois evita que o ar condicionado trabalhe na sua capacidade máxima (o que ajuda na prolongação da vida útil dos aparelhos);

Postado segunda-feira, outubro 20, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

13 de outubro de 2014

 

Umidificadores de ar podem ser uma ajuda e tanto

Crise no abastecimento de água, promessa de racionamento, seca. O ano de 2014 nem terminou, mas muitos desejam esquecer o que tem ocorrido com o clima. A região metropolitana e parte do interior, abastecida pelo Sistema Cantareira, tem sofrido com a falta de água. Medidas foram impostas, desde revezamento de água em algumas regiões, até o oferecimento de desconto na conta de quem economizar. 

A água é o bem natural mais importante para a vida na Terra e constituí 70% do corpo humano. Ela é necessária para: a hidratação do organismo; o transporte de nutrientes para as células e de substâncias tóxicas para fora do corpo; para a excreção de produtos resultantes do metabolismo, depois de uma filtragem pelos rins; serve como solvente para todas as reações do corpo; regula a temperatura corporal através do suor e facilita a digestão; entre outros. 

Umidificando o ambiente

Além disso, a água é encontrada no ar. O ar quando apresenta uma umidade abaixo dos 60% já pode desenvolver mazelas para o corpo. Quando abaixo dos 30%, a defesa civil decreta estado de atenção, abaixo dos 20%, é decretado estado de alerta. O ar seco é responsável pela desidratação das mucosas do nariz, garganta e faringe, e pode levar à inflamação. Pessoas com problemas respiratórios como renite, faringite, sinusite e asma, devem ficar atentas, pois o ar seco intensifica os problemas. Também pode causar sangramento pelo nariz, ressecamento da pele e irritação dos olhos.

O período em que a umidade do ar diminui é durante as estações inverno e primavera, quando chove menos em diversas regiões do Brasil. Segundo o Inmet, as áreas mais afetadas são: Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, oeste de São Paulo, Minas Gerais, Piauí, Tocantins, oeste da Bahia e sul do Pará. Com o fim do inverno, é aguardado que volte a chover com mais regularidade, melhorando a umidade do ar e a situação dos reservatórios, porém, existe outras formas de hidratar o organismo ou qualificar o ambiente em casa.

Veja algumas dicas:

Para respirar

Umidificadores de ar: usados com moderação podem auxiliar na saúde dos portadores de doenças respiratórias, além claro, de evitar essas doenças em pessoas saudáveis. Na STR Ar existe uma boa variedade de opções com preços acessíveis que podem ser um bom investimento para quem se preocupa com a saúde. Veja os produtos disponíveis aqui

Ar condicionado: apesar de lembrados apenas no verão, o ar condicionado também possui uma infinidade de intensidades. Ele pode ajudar a arejar locais que não possuem janelas ou em dias sem vento. Recomenda-se adicionar um balde de água ou um pano úmido no ambiente para uma ação mais eficaz de umidificação do ar, se feito dessa forma. A STR Ar também possui uma grande diversidade desses aparelhos prontos para os momentos de seca ou de calor. Confira aqui.

Para beber

Água de coco: O líquido é rico por conter vários nutrientes, além de conter vários eletrólitos (responsáveis pela recuperação da perda de minerais) como sódio, potássio, fósforo e cloro. É ótimo para reposição de água perdida em atividades físicas ou na desidratação. Também possui na sua composição carboidratos, proteínas, gorduras, vitaminas e fibras. 

Suco de frutas: Ricos em vitaminas e minerais, os sucos naturais de frutas são importantes para repor hidroeletrolíticos. Além disso são altamente refrescantes, oferecendo de forma prazerosa energia. Apesar disso, não devem ser tratados como substitutos da água. 

Com informações: G1, Mais Equilíbrio, Instituto Hidratação e Saúde, Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas a Agricultura.

Por: Ivan Monteiro

Postado segunda-feira, outubro 13, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

26 de março de 2014


O outono chegou oficialmente no Brasil no dia 20 de março de 2014. A estação que combina um clima fresco e agradável com temperaturas amenas e diminuição da chuva. Estação é de transição, com frentes frias regulares, como uma preparação para o inverno.

De acordo com os meteorologistas, o outono terá mudanças rápidas nas condições de tempo, maior frequência de nevoeiros e registros de geadas em locais serranos das regiões Sudeste e Sul. Haverá diminuição das chuvas em grande parte do país, com o registro dos maiores totais de chuva, superiores a 700 milímetros, no extremo norte das regiões Norte e Nordeste e no leste do Nordeste, onde se inicia o período mais chuvoso. A previsão é de que haja mais chuvas no norte de Amazonas, Pará, Acre e no Nordeste do país.

Nas regiões Sul, Sudeste e parte da região Centro-Oeste do Brasil, as temperaturas tornam-se mais amenas devido à entrada de massas de ar frio, com temperaturas mínimas que variam entre 12ºC a 18ºC, chegando a marcas abaixo de 10ºC nas regiões serranas. No Norte e Nordeste, as temperaturas são mais homogêneas, com mínimas variando em 22ºC e máximas de 30ºC a 32ºC.

Na teoria é assim, mas na prática nada tem sido muito regular. Em um mesmo dia, parece que temos todas as estações ao mesmo tempo. É preciso sair de casa com os óculos escuros, blusinha de manga longa e um guarda-chuva para a hora do imprevisto.

Outono é a estação das colheitas, com os produtos cultivados já bastante desenvolvidos e frutos maduros. É época de saborear alimentos da estação, como o figo e as castanhas, altamente energéticos, e o milho, uma boa fonte de fibras.

É importante manter uma alimentação saudável, já que nesse período são mais comuns as doenças pulmonares e as enxaquecas, em virtude do nevoeiro e do céu nublado que não ajuda a dispersar a poluição. Além disso, os dias mais frios podem fazer com que as pessoas de mais idade sintam dores nas articulações, e o reumatismo e a artrose tendem a ser mais frequentes.

Nesse período, também ficamos mais carentes de Vitamina D, devido à tendência de dias mais nublados. Por isso, aproveite o sol do outono, já que os raios solares nesta época do ano são menos nocivos à pele. Mas não deixe de usar protetor.

Para manter um ambiente agradável em sua residência ou escritório, usufrua da tecnologia dos aparelhos de ar condicionado que possuem as opções quente/frio. Assim você poderá decidir qual temperatura ficará mais propícia para essa estação climática de transição verão-inverno.

Conheça os aparelhos disponíveis em nosso site www.strar.com.br e escolha o seu com a tecnologia de ar quente e ar frio para este outono.

*Com informações do Portal G1 e Jornal Zero Hora

Postado quarta-feira, março 26, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

19 de março de 2014



Sabemos que muitas pessoas confundem a política de garantia de um produto com a garantia de cancelamento de compra, por isso, pretendemos esclarecer neste post este assunto que é de interesse para todos os consumidores.

Ao comprar um equipamento pelo site da STR (www.strar.com.br) e recebê-lo no endereço cadastrado, é comum o comprador já querer instalar e utilizar o ar condicionado. Caso ele não apresente nenhum defeito, perde-se o direito de cancelamento. É possível cancelar o pedido por arrependimento, mas isso deverá ser feito no prazo estipulado pelo Procon (sete dias corridos após o recebimento da mercadoria) , desde que a embalagem do produto não tenha sido aberta.

Porém, pode haver outra situação. Se o produto apresentar defeito durante o uso, então passa a valer a política de garantia. A garantia do equipamento está diretamente ligada à sua instalação. Uma instalação realizada fora dos padrões técnicos, estabelecidos pelos fabricantes e contidos no manual dos produtos, e ainda por técnico não autorizado, pode acarretar na redução da garantia para 90 dias e até a perda da garantia caso seja constado que o defeito fora provocado por defeito na instalação. O aparelho danificado passará pela análise do fabricante que retornará no prazo estipulado por ele, de acordo com sua política.

Como exemplo, Antonio adquiriu um aparelho de Ar Condicionado Split pela STR e recebeu em sua residência. O instalador autorizado agendou a instalação de Antonio daqui a cinco dias. No dia combinado, o aparelho foi instalado e funcionava perfeitamente. A família de Antonio ficou impressionada com a qualidade do ar na casa, que ficou muito mais fresco e confortável. Quinze dias depois o aparelho começou a ficar mais barulhento. Antonio poderia solicitar o cancelamento? Não, o prazo por arrependimento já havia acabado em sete dias após o recebimento dele, e para cancelar ele não poderia ter aberto a embalagem. Então, Antonio fez valer a política de garantia para conserto ou troca do aparelho e tudo foi resolvido.

De acordo com os Direitos do Consumidor, as garantias, vícios e fatos dos produtos e serviços consistem nas seguintes normas:

O consumidor é protegido contra vícios e fatos de consumo (arts. 12, 14, 18 e 20), ou seja, contra produtos e ou serviços que, ou não funcionam como deveriam, ou provocam dano ao consumidor ou a outrem quando de sua utilização.

A reclamação do consumidor pode se basear na garantia legal concedida explicitamente pela lei - noventa dias. Essa garantia existe independente da garantia dada pelo fabricante. Assim, se o fabricante dá garantia de nove meses, devemos acrescentar mais noventa dias.

Para exercer o direito de reclamar por vícios de produtos e serviços o consumidor deverá fazê-lo:

1 - Em até trinta dias se o vício for aparente; 
2 - Em até noventa dias se o vício for oculto;

Para exercer o direito contra danos, ou seja, pelo fato do produto ou serviço, o consumidor tem cinco anos de prazo

O Consumidor também pode fazer reclamações com base na garantia dada pelo fornecedor do produto ou serviço.

Recomenda-se que toda insatisfação na relação de consumo seja resolvida diretamente entre as partes (no caso, fornecedor e consumidor); caso não seja possível se chegar a um acordo, existem órgãos administrativos (Procons estaduais e federais, associações de defesa) para o registro da reclamação.

*Com informações do Código de Defesa do Consumidor

Postado quarta-feira, março 19, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

12 de março de 2014


Por Mariana Pajuelo

Hoje é cada vez mais comum a compra pela internet e telefone. A praticidade e conforto desses canais fizeram com que os brasileiros adquiram os produtos que desejam ou necessitam sem sair de casa, com agilidade e segurança.

Mas, ao comprar um produto por telefone, ou pela internet, ou seja, fora do espaço físico da loja, pode-se receber produtos que não agradam, ou com características diferentes daquelas anunciadas no site, ou até mesmo com defeito. Mas, mesmo que não seja esse o problema, ainda que o consumidor queira apenas se arrepender da compra, ele pode, desde que a desistência seja comunicada ao vendedor (empresa), por fax, e-mail (de preferência por escrito para poder comprovar), com até sete dias após a compra e o produto, é claro, seja devolvido. E, muito importante, o consumidor que cancela a compra nessas condições tem o direito de receber o dinheiro integralmente pago de volta.

O cancelamento de compras de produtos é obrigatório, de acordo com as disposições do Código de Defesa do Consumidor, nas seguintes situações:


  • art. 18 - Quando for constatado, no prazo de garantia, que o produto adquirido apresentou vício (defeito) e após 30 dias o fornecedor não conseguiu saná-lo; 
  • art. 19 - Quando a quantidade for diferente daquela especificada em sua embalagem; 
  • art. 35 - Quando não houver o cumprimento à oferta (por exemplo, o não cumprimento do prazo de entrega); 
  • art. 49 - Desistência em sete dias se a compra foi realizada fora do estabelecimento comercial (internet, telefone, etc); 
  • art. 1º, § 2º da Lei do Estado de São Paulo 14.516/11 - Desistência em sete dias úteis, contados a partir do recebimento do contrato, se a compra foi realizada por meio de "call center" ou outra forma de venda a distância. 

Na STR também fazemos questão de valer os direitos do consumidor. Dentre nossas condições gerais, há o quesito de cancelamento da compra.

Para que o processo de cancelamento ocorra devidamente, o produto deverá estar na embalagem original de fábrica, acompanhado da Nota Fiscal e com todos os acessórios originais e não poderá ter sido utilizado. Qualquer indício de uso e violação da embalagem implicará na recusa do cancelamento.

Algo muito importante é saber que se o consumidor usar o produto e ele não apresentar nenhum defeito ou problema, perde-se imediatamente seu direito de cancelamento. É possível cancelar por arrependimento no prazo estipulado, desde que não tenha utilizado o produto. Agora, se o produto apresentar defeito durante a utilização, entra a política de garantia, em que, após análise, poderá ser realizado o conserto ou a troca do equipamento.

A manifestação do desejo de cancelar a compra deverá ser formalizada pelo endereço eletrônico atendimento@grupostr.com.br, e devera conter:

  • CPF ou CNPJ do comprador que consta na Nota Fiscal; 
  • Número do Pedido (caso ainda não tenha recebido o produto); e
  • Código do produto.

Após o contato, a STR realizará a coleta da mercadoria em até sete dias úteis. O estorno do valor pago, bem como o aceite do cancelamento da compra, será manifestado somente após o retorno da mercadoria, momento que se poderá analisar se os requisitos acima mencionados foram cumpridos.

Nosso objetivo é manter o bom relacionamento com nossos clientes e levar profissionalismo e confiança a todos.

*Com informações da Fundação Procon

Postado quarta-feira, março 12, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

5 de março de 2014



Quando um produto recém-adquirido apresenta um problema é muito bom saber que ele ainda está dentro do prazo de garantia. Afinal, isso assegura que o consumidor não terá de arcar com o custo pelo seu reparo ou eventual troca.

A fim de assegurar ao consumidor a qualidade, eficiência e durabilidade de um produto, há pelo menos três modalidades de garantia: a legal, a contratual e a estendida.

A garantia legal é estabelecida pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC) e independe de previsão em contrato: a lei garante e ponto. Assim, o consumidor tem 30 dias para reclamar de problemas com o produto se ele não for durável (um alimento, por exemplo), ou 90 dias se for durável (uma máquina de lavar, por exemplo).

O que muita gente não sabe é que, no caso de um vício oculto (aquele defeito não-aparente, que somente se mostra depois de um certo tempo de uso do produto), o prazo assegurado pelo CDC começa a contar a partir do momento em que esse defeito é constatado.

Já a garantia contratual é a que o fabricante ou fornecedor acrescenta a seu produto, mas não é obrigatória. Sua vigência começa a partir da data de emissão da nota fiscal, com o prazo e condições impostas pela empresa - normalmente estabelecida no "termo de garantia".

No caso da garantia estendida entra em cena uma terceira empresa, sem relação com o fabricante e que, na verdade, oferece um seguro ao consumidor. Dentro desse tipo de garantia, há ainda três modalidades: a original, cuja cobertura é igual à da garantia original de fábrica; a original ampliada, que possui acréscimos à original; e a diferenciada, que é menos abrangente que a original.

A política de garantia e cancelamento de compra da loja virtual STR obedece rigorosamente às determinações contidas no Código de Proteção e Defesa do Consumidor (Lei 8.078), objetivando uma relação de transparência e segurança entre comprador e vendedor.

Todos os produtos comercializados pela STR Ar Condicionado possuem garantia fornecida pelos fabricantes que, em regra, são superiores a garantia legal estabelecida pelo Código de Proteção e Defesa do Consumidor, Art.26, Lei 8.078 (consulte detalhes do produto, pois há diferenças de prazo entre os diferentes fabricantes).

A garantia do equipamento está diretamente ligada à sua instalação. Uma instalação realizada fora dos padrões técnicos, estabelecidos pelos fabricantes e contidos no manual dos produtos, e ainda por técnico não autorizado, pode acarretar:

• Redução da garantia para 90 dias; e
• Perda da garantia caso seja constado que o defeito fora provocado por defeito na instalação.

A STR recomenda que o consumidor, ou a este equiparado, contrate um profissional autorizado ou credenciado pelo fabricante para realizar a instalação do seu equipamento, evitando, com isso, eventuais aborrecimentos e prejuízos.

*Com informações do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor: www.idec.org.br

Postado quarta-feira, março 05, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários