15 de dezembro de 2014


Como preparar visual de sua sala para a ceia natalina!


Natal é tempo de alegria, família e festa. Uma data tão especial merece não apenas o que manda a tradição que consiste no ritual de ceia e troca de presentes, mas também pede uma decoração especial. O blog da STR preparou algumas dicas especiais para que você faça um bom proveito do espaço onde será a noite especial, claro, no aconchego de sua sala com seu ar-condicionado, que é a nossa especialidade. Se ainda não tem um, o que está esperando? O verão já está aí!

Papai Noel, árvore de natal, velas, boneco de neve, renas… São vários os símbolos natalinos. Assim como o Halloween que traz qualquer coisa ligada ao horror, abóbora e bruxas para seu visual, o Natal não fica atrás nos numerosos adereços à serem utilizados.

Se você não quer gastar muito com muitas peças e enfeites, investindo somente em sua árvore de natal, o melhor é escolher cores especiais para utilizar na mesa e tapete, além de pequenos objetos, como velas ou estrelas. O dourado, prata, verde e vermelho são as mais usadas na data. As duas primeiras dão um toque mais sofisticado, antecipando o Réveillon, enquanto as outras duas, tradicionais, são mais impactantes para casas com crianças — pois são mais fáceis de assimilar com a data.

Veja cinco dicas especiais:

Velas e garrafas— Tem algum copo colorido, com entalhes ou enfeites nele? Que tal acender uma vela dentro desse copo? Também podem ser utilizadas conchas ou vasinhos de plantas. Garrafas vazias se decoradas com fitas e papéis bonitos dão um charme especial. O efeito pode te surpreender!

Árvores — Acabou essa coisa de que a árvore precisa ser no seu sentido literal. Em 2014, adesivos em forma de árvores para paredes, outras feitas de materiais recicláveis ou até mesmo improváveis, como uma feita apenas com pisca-pisca ou de bolas coloridas, são a tendência. O que vale é a criatividade e imaginação!

Bolas de natal — Junto com as pinhas as bolas decorativas podem ser espalhadas pelo cômodo e na mesa em que será servida a ceia. Claro, que o melhor é utilizar materiais de cores próximas pra não virar carnaval.

Abajur e lustre — Enfeitar abajures e lustres pode ser uma ideia interessante se você quiser apenas utilizar poucos detalhes decorativos no ambiente. E outra: a luz de ambos objetos já são um complemente aos enfeites.

Almofadas — Que tal utilizar fitas para decorá-las? É só amarrar em torno delas pelo menos duas de cores que combinam e dar um belo laço. O resultado vai ficar elegante, você vai ver.

Gostou das dicas? A STR Ar Condicionado é a melhor escolha para compras dos aparelhos nesse verão e Natal. Suas festas vão ficar ainda melhores!

Com informações: Casa e Jardim.

Postado segunda-feira, dezembro 15, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

8 de dezembro de 2014

Economize de maneira eficiente e sem passar calor!


Dia 21 de dezembro começa oficialmente a estação mais adorada (ou mais odiada) do brasileiro: o verão. Segundo o Instituto Climatempo, o início de 2015 pode ter médias acima das registradas no mesmo período de 2014 com um aumento de 2°C — janeiro seria de 32°C de média, enquanto fevereiro é esperado 36°C (contra 34°C em 2014). Vale lembrar que de acordo com a Administração Nacional de Oceanos e Atmosfera dos EUA (Noaa), foi confirmado que 2014 é o ano mais quente desde o início dos registros, em 1880, levando em consideração dados obtidos entre janeiro e outubro. Se 2015 foi ainda mais intenso, fica a pergunta: você está preparado?

A solução básica é ter um ar-condicionado. As opções são as mais variadas, com potências diferentes e preços diversos. Mas para quem já possui o aparelho, antes de religá-lo, um dos pontos fundamentais é saber as condições de limpeza dele. Após muito tempo parado, o ar-condicionado pode ter sido objeto de proliferação de germes e bactérias. É muito importante trocar o filtro do aparelho após 6 meses de uso. 

A partir daí segue algumas recomendações básicas, que podem auxiliar numa maior economia de energia, evitar a má utilização do produto que pode fazer mal à saúde e também como organizar o ambiente ao redor para que o ar-condicionado seja mais eficiente. Confira:
  • O aparelho desligado, mesmo não condicionando o ar do ambiente, continua acumulando poeira e germes do local. Se o seu costume é usá-lo só no verão, é bom fazer uma boa limpeza antes da reutilização;
  • Não posicione o aparelho para ventilar diretamente em cima de você, a ideia é refrescar o ambiente no geral;
  • Coloque a temperatura entre 20°C e 22°C, assim você evita o choque térmico quando mudar de ambiente e também deixa o local com um clima agradável;
  • O resfriamento muito intenso pode ser prejudicial a saúde;
  • Umidificadores de ar ajudam a evitar a baixa umidade do local que conta a presença do aparelho de refrigeração;
  • Proteja a parte externa do ar-condicionado do sol, sem bloquear as saídas de ar. Isso contribui na economia de energia;
  • Muitas vezes, não é necessário manter o aparelho ligado a noite inteira, basta resfriar o quarto e desligá-lo antes de ir dormir;
A STR Ar Condicionado possui muitas opões de ar-condicionado para uso doméstico e de empresas. Vale a pena conferir os modelos de qualidade e se preparar para o verão: www.strar.com.br.

Com informações: Bem Estar, O Globo e Jornal Hoje.

Postado segunda-feira, dezembro 08, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

1 de dezembro de 2014

Fatos interessantes sobre o inseparável companheiro do verão 


Invenção que contribuiu para o bem-estar das pessoas, melhorando sua produtividade, saúde e outros atributos, o ar-condicionado é nos dias de hoje fundamental na sociedade moderna. Como se vive em um dos climas mais quentes dos últimos anos, o produto saiu da posição de “artigo de luxo” e se popularizou em lares da classe média no geral. No comércio ele também faz parte da idealização que liga o consumo ao prazer, incorporado com experiências visuais e sensoriais (junto de perfumes, música, iluminação e etc).

Como é um objeto importante para o ser humano ele vem cercado de curiosidades e histórias. Confira algumas:
  • Foi inventado por Willis Carrier, em 1902, um jovem engenheiro que só queria diminuir a umidade do ar na indústria gráfica;
  • A primeira utilização em uma residência só ocorreu em 1914, numa mansão em Minneapolis, EUA;
  • É peça chave fundamental em hospitais. O primeiro instalado em ambiente hospitalar foi no Allegheny General Hospital de Pittsburgh, EUA. A ideia era que o sistema introduzisse umidade extra em um berçário de partos prematuros. A tática foi certeira: ajudou a reduzir a mortalidade causada pela desidratação;
  • Uma outra indústria salva pela invenção foi a cinematográfica. Depois que instalados em salas de cinema, houve um aumento nas vendas de ingressos no período de verão, fato que atingia diretamente as bilheterias;
  • Nos anos 30, o ar-condicionado chegou à Casa Branca;
  • Nos dias de hoje, já existem diversos modelos feitos para casas, comércio, grandes locais públicos, entre outros. Mas a invenção ainda rende frutos: já estão sendo fabricadas as primeiras camisas e calças com o sistema de refrigeração;
  • Em um dia, cerca de dois litros de água pingam de um ar-condicionado;
  • E essa água que pinga dele é limpa? Não tanto. Segundo pesquisas, a maior parte do gotejamento do ar-condicionado é apenas de vapor de água condensada que vem do ar do interior dos edifícios. Os aparelhos são projetados para drenar essa água na parte de trás, fazendo com que ela escorra para fora. Essa é como se fosse água da chuva. Porém, se alguma quantidade ter ficado retida dentro do aparelho por um tempo, pode ter atraído bactérias acumuladas no aparelho para ela. O bom é evitar o consumo desta água e usá-la apenas com fins “supérfluos” como regar plantas.
A STR é uma empresa comprometida em atender o cliente oferecendo as mais diversas opções de aparelhos de refrigeração. Por lá, você encontra desde modelos Split, Janela e Portátil. Veja aqui.

Com informações: Fatos Desconhecidos, Descafeinado.

Postado segunda-feira, dezembro 01, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

27 de novembro de 2014

Como compra?


Você já deve ter pensado em comprar um ar-condicionado, mas não tem ideia de qual modelo escolher, certo? Nós vamos te ajudar a escolher qual o melhor ar condicionado para seu ambiente. 

Postado quinta-feira, novembro 27, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

24 de novembro de 2014

Diferente do que se diz, o ar-condicionado não é o vilão

Nos últimos anos, um dos maiores dramas relacionados a saúde está ligado com a respiração. Ou melhor, com a má respiração. Com a industrialização, o meio ambiente pagou pelo preço das ações da sociedade que viu uma forma de fazer crescer sua economia de forma mais rápida. Desde então, governos de vários países se encontram periodicamente para conversar e entrar em acordos visando a diminuição da emissão de poluentes. A poluição dos dias de hoje é uma das maiores causadoras de mortes no mundo.

Mesmo em queda, a emissão de gases tóxicos ao organismo ainda é a responsável por doenças como asma, rinite, sinusite e até o agravamento de doenças cardiorespiratórias. Pra quem já tem uma pré disposição genética de ter alguma dessas doenças, a poluição excessiva serve como um impulso final. Grandes metrópoles como São Paulo, região onde se concentra um alto fluxo de veículos, além de fábricas, estão no mapa dos lugares com mais registros dessas doenças.

E o ar-condicionado? Também é culpado? 

Muitas pessoas são levadas a acreditar pelo senso comum que o aparelho de resfriamento faz mal a saúde. Isso é verdade? Um outro ponto do senso comum diz que: tudo em excesso é prejudicial. Isso sim é verdade. 

O ar-condicionado, assim como ventiladores, aquecedores, entre outros produtos, podem sim agravar sintomas em pessoas doentes se mal utilizados. O uso desses utilitários domésticos devem sempre seguir a orientação dos manuais e de médicos — caso o usuário tenha alguma doença crônica. Em vários casos, especialistas orientam o uso do ar-condicionado no lugar de ventiladores ou vice-versa. 

O importante é usá-los com restrições de temperatura (a intenção é sempre deixar o ambiente na temperatura ambiente ou ligeiramente refrescante, e não “fazer nevar”). Também se deve ter cuidado com a limpeza do aparelho e, dependendo da umidade do ar, colocar um umidificador, balde de água, ou pano úmido dentro do cômodo que terá o ar-condicionado — o ar seco e frio demais é o principal responsável pela propagação de doenças respiratórias. Hidratar as narinas com soro fisiológico também é importante em ambientes gelados e secos.

Existem diversos vilões para a propagação das mazelas respiratórias: Fumo, fatores genéticos, alergias (proveniente de substâncias químicas ou ácaros), infecção por vírus e respiração em ambientes poluídos, entre outros. O importante é avaliar sua rotina, o local onde mora, o trabalho e saber se eles podem ser responsáveis para futuras doenças. Uma mudança de hábito é muito mais importante do que condenar produtos que, bem utilizados, contribuem para o bem-estar. 

A STR Ar Condicionado apresenta várias opções desde produtos de refrigeração, umidificadores, aquecedores a gás, entre outros. Tudo pensando na qualidade de vida das pessoas. Confira aqui.
Com informações: UOL, Sua Pesquisa, Tua Saúde.

Postado segunda-feira, novembro 24, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

17 de novembro de 2014


Qual o melhor equipamento para aumentar os lucros de seu mercado?

Natal chegando e o comércio está a mil. O entra e sai de clientes dos estabelecimentos levanta uma questão crucial para os donos de lojas: o ambiente está preparado para o movimento de grande quantidade de pessoas? Para não deixar os fregueses mal acomodados com o calor e decepcionados por terem escolhido a sua loja ao invés de outra um pouco mais longe, é bom garantir uma melhor estrutura para atendê-los.

O verão está chegando e, sem dúvidas, uma loja fresca, com um bom sistema de refrigeração é uma das questões mais pertinentes que os clientes buscam. Muitos vão em um único estabelecimento buscar o máximo de presentes para a família e amigos. Afinal, não são todos com a disposição de sair garimpando presentes por aí. Se a loja oferece boa e variada mercadoria e ainda garante o bem estar para o cliente, o conquista de uma forma que ele não vai querer sair dela tão cedo, consumindo ainda mais.

Para escolher bem um sistema de refrigeração para o estabelecimento é bom relacionar o tamanho do local e a necessidade. Por exemplo, em locais muito pequenos, um ar condicionado tipo janela pode até servir, mas o níveis de ruído podem incomodar se o silêncio é primordial no ambiente. Modelos Split são as melhores opções. 

Pra um local que precisa do ar ligado muitas horas do dia é bom que seja também econômico. Escolhendo um com a tecnologia Inverter, o ar condicionado não apresenta picos de voltagem o que garante uma boa economia. Também é mais durável e silencioso entre os demais da categoria Split. 
Já o ar condicionado Split Piso Teto trata-se de um modelo que possui uma variação interessante: ele pode ser instalado no piso ou no teto. Tal praticidade o faz ser ideal para médios e grandes ambientes. Sua potência garante que ambientes que tenham muita circulação continuem com ar arejado e fresco da mesma forma. 

Produtos multi split são ideais para climatizar mais de um ambiente e que dispõem de pouco espaço externo para a instalação de uma condensadora. Explico, esse tipo de ar apresenta um sistema com funções e filtros semelhantes aos tradicionais, porém contam com duas ou mais evaporadoras para apenas uma condensadora.

Todos esses modelos podem ser encontrados na STR Ar Condicionado, além das cortinas de ar, que são importantes para manter o ar fresco em grande estabelecimentos (leia mais aqui). Por lá, você encontra preços especiais para ajudar o comerciante a melhorar seu local de trabalho e ter sua compensação com o Natal. Aproveite as ofertas!

Postado segunda-feira, novembro 17, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários

10 de novembro de 2014

 

Há um século refrescando as pessoas...

Invenções nada mais são do que a capacidade do ser humano utilizar sua compreensão do mundo e da vida para sintetizar algo que une arte e utilidade. Muitas dessas criações acabam se perdendo com o tempo, sendo engolidas por outras melhores ou mais úteis. O século 20 foi um período muito precioso para cientistas e inventores. Com a Revolução Industrial, grande parte de máquinas tecnológicas deram oportunidade de ideias finalmente saírem do papel. 

Algumas pesquisas apontam que o célebre Leonardo Da Vinci já teorizava sobre o Ar Condicionado. No entanto, teria deixado de lado o audacioso projeto por motivos, digamos… óbvios. Com a invenção da eletricidade, era questão de tempo que uma máquina de resfriamento de ambiente saísse do papel. Porém, só com a necessidade é que se deu o primeiro impulso. 

Inventado em 1902, pelo engenheiro norte americano Willis Carrier, o aparelho de ar condicionado só ganhou real notoriedade em meados dos anos 20. Até então era apenas um produto que realizava um processo mecânico para condicionar o ar. Foi depois que ganhou uma forma vendável e até hoje é um dos eletrodomésticos que são escolhidos como prioridade em determinadas regiões no mundo.

No Brasil não é diferente. As mudanças climáticas nos últimos anos só agravaram ainda mais o calor que já é comum no país tropical. Em Teresina, por exemplo, as vendas no mês de outubro tiveram um aumento de 40%. Por lá, assim como em outras regiões do nordeste, o item é tratado como essencial e não como artigo de luxo. Com a chegada do verão em dezembro, a expectativa é que o mercado cresça ainda mais.

Algumas questões são importantes na hora de comprar um aparelho. Veja:
  • Priorize a escolha por um modelo Classe A, que geralmente são mais econômicos;
  • Não espere o verão chegar, é bom aproveitar as ofertas que antecedam a estação calorenta;
  • Busque lojas especializadas e que até ofereçam a instalação, é mais seguro e econômico;
  • Leia o manual de instruções antes de começar a utilizá-lo para evitar desperdício causado pelo mal uso do aparelho;
  • Limpe regularmente o aparelho; 
  • A STR Ar Condicionado, por exemplo, oferece várias opões, desde os modelos de “janela”, “portáteis” até os “split” — confira aqui.
Invenções que acabam se inserindo em culturas, contribuindo para o bem estar da sociedade, são mais do que “coisas”. Essas que ganham uma importância única e atemporal, nada mais são que companheiras nas horas que o ser humano mais precisa para seguir sua constante evolução. Imagine alguns ambientes sem a invenção do ar condicionado. Será que o mundo seria assim como é hoje? 

Com informações: Wikipédia, G1 Piauí. 

Postado segunda-feira, novembro 10, 2014 by Str Ar Condicionado

Sem comentários